mar
15
2021

BRASIL – Ludhmila Hajjar nega convite do Governo Federal para Ministério da Saúde

A cardiologista Ludhmila Hajjar recusou oficialmente, nesta segunda-feira (15), o convite para o Ministério da Saúde. De acordo com informações da CNN, a decisão foi anunciada em reunião com o presidente Jair Bolsonaro. Ela também se encontrou com o presidente neste domingo (14).

O nome da médica foi um dos cotados para ocupar o lugar do atual ministro, Eduardo Pazuello, que negou estar doente e ter colocado o cargo à disposição. “Não estou doente, não entreguei o meu cargo e o presidente não o pediu, mas entregarei assim que o presidente solicitar”, afirmou por meio da assessoria da Pasta.

Também professora da Universidade de São Paulo (USP), Ludhmila defende o isolamento social e a vacinação em massa da população como linha de postura de combate ao novo coronavírus.

Médica foi atacada por aliados

A cardiologista faz parte de grupo de pesquisadores criticado pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) em abril de 2020. Na época, pesquisadores divulgaram que não era possível afirmar que a cloroquina fizesse diferença no tratamento contra a Covid-19 em conclusões preliminares de pesquisa. As informações são da Folha de S. Paulo.

Fonte: Diário do Nordeste.

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, sob o Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalho atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, onde apresento o Programa HORA DA NOTÍCIA - no horário de 11hs ás 13 horas. Nas tardes da Paraíso FM levo alegria de descontração no Programa FORRONEJO de 15hs ás 17 horas. Se ligue com a gente e venha curtir o melhor da informação e do entretenimento musical.

Deixe um comentário