dez
4
2019

CEARÁ – Abertura do X FESTIVAL CHORO JAZZ lotou JERICOACOARA.

Jericoacoara ficou lotada para a abertura do X Festival Choro Jazz, com aplausos para a orquestra de crianças e jovens. Nesta quarta festival tem Cristóvão Bastos, Jota P e Carol Panezi

Tocando obras de Pixinguinha, mais de 50 jovens músicos de Jijoca de Jericoacoara e localidades vizinhas, reunidos na Orquestra Jeri, emocionaram o público que lotou a praça central de Jericoacoara na noite desta terça-feira, na abertura da décima edição do Festival Choro Jazz, evento apoiado pela Petrobras e que reúne, de hoje até domingo, 8/12, sempre com acesso gratuito, na famosa vila do litoral cearense, vários dos maiores nomes da música instrumental do Brasil, como Arismar do Espírito Santo, Filó Machado, Sebastião Tapajós, Toninho Horta e o Trio Corrente.

“Naquele tempo”, “Lamento”, “Carinhoso”, entre outros temas de Pixinguinha, deram o tom da emoção de pais e outros parentes das dezenas de crianças e jovens que, formadas no projeto de educação musical mantido pelo festival como legado para Jericoacoara e região, brilharam na noite de abertura do festival, sob a regência dos maestros W. Coala e Lucas Vasconcelos, também músicos atuantes na região.

Sob muitos aplausos, de centenas de moradores e visitantes de Jericoacoara, cujas pousadas estão com grande ocupação, mesmo em uma terça-feira, os jovens músicos e musicistas reunidos na Orquestra Jeri não pouparam sorrisos de encantamento e orgulho pelo trabalho realizado, pelo aprendizado conquistado e agora compartilhado e reconhecido pela comunidade.

O diretor do Festival Choro Jazz, Antônio Ivan Capucho, ao ressaltar, na abertura do evento, a resistência da cultura, da educação musical e da arte na continuidade do festival, e o saxofonista paulista Jota P, ao doar um saxofone a um dos jovens músicos da comunidade, foram responsáveis por outros momentos de celebração, na noite desta terça-feira, que contou com shows do consagrado violonista paraense Sebastião Tapajós e do aclamado grupo paulistano Trio Corrente, vencedor de dois prêmios Grammy, com Fábio Torres ao piano, Paulo Paulelli no contrabaixo e Edu Ribeiro na bateria.

Maratona musical em Jeri segue até domingo, 8/12Resultado de imagem para Abertura do X FESTIVAL CHORO JAZZ lotou JERICOACOARA.

Fotos: Tainá Cavalcante/Ass. Imprensa Festival Choro Jazz

Na quarta-feira, 4/12, o mestre Cristóvão Bastos, pianista autor de clássicos como “Todo sentimento” e de novas e marcantes obras, como “Tua cantiga” (ambas em parceria com Chico Buarque) faz o primeiro show da noite, que conta com Jota P & Carol Panesi Quinteto, de São Paulo, como atração de encerramento. Com Jota P no saxofone e nas flautas e Carol Panesi ao violino, garantia de uma musicalidade rica e de timbres variados.

quinta-feira, 5/12, começa com o show de Jaques Morelembaum, mestre do violoncelo, que estará no Festival Choro Jazz com o projeto Cellosam3atrio, ao lado dos também virtuosos Lula Galvão (violão) e Rafael Barata (bateria). Jaques é conhecido por parcerias em palco e estúdio com nomes como Tom Jobim, Caetano Veloso e Sting, entre vários outros. Uma escola de choro, o grupo Época de Ouro faz o espetáculo de encerramento da noite. Fundado em 1964, por Jacob do Bandolim, o grupo seguiu atuante ao longo de décadas e segue realizando apresentações aplaudidíssimas, com Ronaldo do Bandolim como um dos destaques, sempre emocionando plateias de amantes da tradição musical brasileira.

sexta-feira, 6/12, tem Jericoacoara recebendo ele que é do mundo, é Minas Gerais: Toninho Horta. O internacionalmente aclamado guitarrista, compositor e arranjador chega para o Festival Choro Jazz com seu quinteto e com participação especial do jovem guitarrista brasiliense Pedro Martins. Os cariocas do Samba de Fato, com a participação de Sérgio Santos, Julião Rabello e Ana Rabello, fecham a noite com um show que promete ser memorável.

No sábado de festival, 7/12, hora e vez de o público aplaudir dois xarás que dialogam e se complementam em um encontro de extrema beleza para a música brasileira: o capixaba Zé Renato e o paulistano Renato Braz. Cantores e violonistas, sobem ao palco com sua musicalidade de esmero harmônico, poesia, sutileza, síntese, mas também intensidade. Imperdível! Assim como o show  do Filó Machado Sexteto, que destaca o grande compositor e violonista ao lado de um super grupo.

Encerrando o Festival Choro Jazz, o domingo, 8/12, tem o mestre Arismar do Espírito Santo se apresentando ao lado da Orquestra das Areias, com direito a muita improvisação, em clima de total liberdade criativa. Fechando a festa, o Forró do Zé Pitoco, com o grande percussionista mandando ver na zabumba e recebendo a filha, a aclamada cantora paulistana Luciana Alves, como convidada especial. É choro, é jazz, é forró, é festa!

Mais sobre o festival

Ao longo de sua história, o Festival Choro Jazz já promoveu shows de artistas e grupos como Hermeto Pascoal, Arismar do Espírito Santo, Maurício Carrilho, além de destacar grandes nomes da música do Ceará, como Marcio Resende, Cainã Cavalcante, Jorge Cardoso, Michael Pipoquinha, Mimi Rocha, Grupo Murmurando, entre vários outros. O festival também mantém desde 2012 a Escola de Música Choro Jazz, para crianças de Jijoca de Jeriocoacoara e região, além de promover diversas oficinas e de integrar, também desde 2012, a Associação Europeia de Festivais de Música.

 SERVIÇO

X Festival Choro Jazz. De 3 a 8/12 em Jericoacoara, com rodas de samba e choro e shows na praça principal. Entrada franca em todas as apresentações, workshops e oficinas. Apoio: Petrobrás, através de seleção por chamada pública do programa Música em Movimento. Informações: www.chorojazz.com

(Sobral Online)

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalha atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, com o Programa FORRONEJO e em 2018 estreamos com o Programa A HORA DA NOTÍCIA, a partir das 12 hs. Participo ainda do Programa Alô Alô Zona Norte na Rádio Tupinambá de Sobral, com o quadro "moendo a notícia", onde faço comentários sobre os principais fatos da nossa política.

Deixe um comentário