nov
1
2018

BRASIL – POLÍTICA: Após perder reeleição, Magno Malta pode liderar ‘Ministério da Família’

O senador Magno Malta (PR), que não conseguiu a reeleição no Espírito Santo, é um dos nomes cotados para assumir o Ministério do Desenvolvimento Social e Direitos Humanos do governo do presidente eleito Jair Bolsonaro. A pasta, inclusive, pode ser rebatizada de Ministério da Família.

Conforme apurado pelo jornal ‘Folha de S. Paulo’, com fontes que estiveram com o senador, ele mesmo teria usado o termo. A assessoria de Malta nega. O pastor Silas Malafaia, que esteve com Bolsonaro ao menos duas vezes esta semana, disse ao jornal que o militar reformado não mencionou a intenção de criar uma pasta com família no nome, mas sugeriu que Malta fará parte do governo.

Segundo Malafaia, “a única coisa que ele falou” é que Malta é “um cara vital e guerreiro e que está sem mandato” a partir de 2019 e por isso teria espaço em seu ministério. “Não vai ser ministro porque é meu amigo, não”, reproduziu Malafaia o que teria ouvido de Bolsonaro. Malta iria para a área social, pois suas maiores bandeiras são o combate à pedofilia e a legalização de drogas e aborto. Em junho deste ano, durante a Marcha para Jesus, Bolsonaro disse que que enviou uma “cartinha de amor” para convencer Malta a ser seu vice, ma ele recusou. O senador também é pastor evangélico e cantor gospel.

Com informações Noticias ao Minuto

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalha atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, com o Programa FORRONEJO e em 2018 estreamos com o Programa A HORA DA NOTÍCIA, a partir das 12 hs. Participo ainda do Programa Alô Alô Zona Norte na Rádio Tupinambá de Sobral, com o quadro "moendo a notícia", onde faço comentários sobre os principais fatos da nossa política.

Deixe um comentário