jul
31
2018

BRASIL – Entrevista: Bolsonaro diz que militares impediram que Brasil virasse Cuba.

Ao ser perguntado sobre a tortura no regime militar no programa Roda Viva nesta segunda-feira, 30, o presidenciável Jair Bolsonaro disse acreditar que “em alguns casos” ela aconteceu, mas procurou justificar esses excessos afirmando que, naquele período, vivia-se a Guerra Fria e que, se tivesse o País tivesse perdido a guerra contra os terroristas, “com toda a certeza hoje seríamos uma Cuba”.

Bolsonaro reafirmou que a anistia foi em duas mãos, para os integrantes do regime e para os que participaram da luta armada e da oposição aos militares. “São feridas que não devem ser lembradas. Pode até discutir, mas não com esse teor”, disse. “Tivemos a lei da anistia. Os militares, inclusive, exigiram que ela fosse ampla, geral e irrestrita. Isso é história, passou, e vamos fazer de tudo para que não volte a se repetir. Se eu chegar lá, é daqui para a frente.” / J.F.

(Via Br18)

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalha atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, com o Programa FORRONEJO e em 2018 estreamos com o Programa A HORA DA NOTÍCIA, a partir das 12 hs. Participo ainda do Programa Alô Alô Zona Norte na Rádio Tupinambá de Sobral, com o quadro "moendo a notícia", onde faço comentários sobre os principais fatos da nossa política.

Deixe um comentário