mar
21
2018

CEARÁ – Pegando carona de Sobral, empresários estão cobrando R$ 20,00 para se ter acesso a LAGOA DO PARAÍSO em Jijoca. É o “turismo sustentável”…

O mal exemplo de Sobral, em criar a “Taxa de Turismos Sustentável”, parece-me que influenciou outros municípios e os “sabidos” tem se aproveitado disso. Veja o que estão fazendo com os “turistas” para ter acesso a LAGOA DO PARAÍSO em Jijoca de Jericoacoara.
Jeri se tornou a galinha dos ovos de ouro do Ceará. Há anos seu turismo é explorado, porém com o aeroporto o turismo cresceu exponencialmente e, com ele, cresceram os olhos dos empresários.
A Lagoa do Paraíso é uma das principais atrações para quem visita Jeri, tendo apenas uma barraca que é isolada, carro não entra no local, o acesso à lagoa é pela barraca que possui preços nada amigáveis.
A TAXAÇÃO…
Agora, a barraca resolveu PRIVATIZAR a LAGOA. Só tem acesso a lagoa, quem pagar uma taxa de “turismo sustentável” no valor de  R$ 20,00 por pessoa. Onde fica o direito de ir e vir? E quanto a barraca pagou pela propriedade da lagoa para cobrar entrada?
Não tem jeito, quanto mais o turismo cresce, mais formas de explorar o turista aparecem.
Com a palavra, as autoridades municipais e o Ministério Público Federal e Estadual que, por enquanto, assistem de camarote e nada fazem.
Blog O Acaraú com informações

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalha atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, com o Programa FORRONEJO e em 2018 estreamos com o Programa A HORA DA NOTÍCIA, a partir das 12 hs. Participo ainda do Programa Alô Alô Zona Norte na Rádio Tupinambá de Sobral, com o quadro "moendo a notícia", onde faço comentários sobre os principais fatos da nossa política.

Deixe um comentário