mar
3
2018

CEARÁ – CUIDADO: Raio destrói estrutura de igreja na cidade de Crateús. Veja como evitar os perigos.

Um raio destruiu parte do teto e da fachada de uma igreja na zona rural de Crateús, no interior do Ceará, durante uma noite chuvosa no município. Segundo a Diocese da cidade, no momento do incidente a igreja estava fechada e não havia ninguém no local.

No mesmo dia, parte da estrutura de uma residência foi destruída no Bairro Fátima, também em Crateús. Ninguém ficou ferido.

Conforme a Enel, Crateús é a terceira cidade mais atingida por raios no Ceará em fevereiro deste ano, com 463 ocorrências no período. Santa Quitéria teve a maior incidência, com 732 raios.

O Ceará registrou 9.462 raios em fevereiro deste ano, um média de 337 por dia. De acordo com a Enel, somente durante os dois primeiros meses de 2018 o estado já foi atingido por 12.718 raios, conforme detectado pelo Sistema de Monitoramento de Descargas Atmosféricas.

Durante tempestades, a Enel aconselha às pessoas que, mesmo dentro de casa, evitem utilizar celulares, secador de cabelo e ferro elétrico conectados à tomada. Também deve-se evitar utilizar chuveiro ou torneira elétrica, fazer consertos nas instalações elétricas e, se possível, permanecer dentro de casa durante toda a tempestade.

Caso a pessoa esteja fora de casa quando começar uma tempestade, é preciso manter distância de objetos metálicos, como cercas de arame, tubos metálicos, e principalmente linhas telefônicas ou elétricas.

Também é necessário evitar estar em locais como campos abertos, piscinas, lagos, praias, árvores isoladas, postes e locais elevados.

Fonte: G1.Ce

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalha atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, com o Programa FORRONEJO e em 2018 estreamos com o Programa A HORA DA NOTÍCIA, a partir das 12 hs. Participo ainda do Programa Alô Alô Zona Norte na Rádio Tupinambá de Sobral, com o quadro "moendo a notícia", onde faço comentários sobre os principais fatos da nossa política.

Deixe um comentário