out
3
2017

BRASIL – Em evento, Lula desafia Lava Jato a provar desvios de dinheiro público.

Em evento no Rio de Janeiro na noite desta segunda-feira (2), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) desafiou investigadores da Lava Jato a provarem desvios cometidos por ele durante os oito anos em que ficou no comando da Presidência da República (2003-2010). Lula disse ainda que o governo Michel Temer não tem dignidade, porque está “vendendo o país”.

“Fui presidente, tenho consciência do que eu fiz e do que deixei de fazer. Estão tentando me destruir desde que nasci.Daí eles fazem uma pesquisa em que eu tenho 35% [das intenções de votos para disputa eleitoral de 2018]. Eles devem ficar muito assustados. No dia seguinte fazem outra pesquisa perguntando se eu deveria ser preso. Desafio a Lava Jato a provar o desvio de 1 real”, disse.

Lula participou da abertura 8º Congresso do Movimento dos Atingidos por Barragens. O ex-presidente disse ainda que se quiserem impedi-lo de presidir o país mais uma vez, os opositores devem se candidatar e disputar o pleito do ano que vem. “Se quiserem me impedir, que se candidatem e disputem uma eleição. E que deixem o povo votar”, disse.

Temer

Lula não citou o nome do atual presidente Michel Temer, mas afirmou que o atual governo tenta vender o país. “Está certo que o que está aí não é governo e é resultado de um golpe. Mas mesmo um golpista que tivesse dignidade não estaria vendendo o país. Eles estão mais para mercadores. A gente tem que acreditar no nosso povo e não vender nossas riquezas”, afirmou Lula.

O petista ainda falou em realizar um referendo para revogar a reforma trabalhista proposta pelo governo Temer. “E temos que discutir um referendo revogatório. Pra revogar a reforma trabalhista, a venda da Eletrobras.Eles que saibam que esse país não vai ser capacho nem dos EUA nem da Europa”, disse o ex-presidente.

O ex-presidente criticou a elite brasileira e afirmou que todos têm medo de ele vencer em 2018. “Eles sabem que a gente vai ganhar. E que a gente vai democratizar os meios de comunicação. E é isso que eles estão com medo. […] Se tem algum político que tem medo deles, quero que eles saibam que eu não tenho. Mexeram com um pernambucano tinhoso”, afirmou.

Condenação

Lula foi condenado em primeira instância a nove anos e seis meses de prisão pelo juiz federal Sergio Moro, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do Triplex do Guarujá, litoral de São Paulo. Lula já apelou ao Tribunal Regional Federal, em Porto Alegre. Caso a condenação seja mantida, Lula não pode disputar a eleição do ano que vem. Porém, brechas na lei permitem que o petista consiga uma liminar no Superior Tribunal de Justiça (STJ) ou Supremo Tribunal Federal (STF) e consiga disputar a eleição presidencial de 2018.

Fonte: Jornal O Tempo.

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalha atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, com o Programa FORRONEJO e em 2018 estreamos com o Programa A HORA DA NOTÍCIA, a partir das 12 hs. Participo ainda do Programa Alô Alô Zona Norte na Rádio Tupinambá de Sobral, com o quadro "moendo a notícia", onde faço comentários sobre os principais fatos da nossa política.

Deixe um comentário