ago
2
2017

CEARÁ – CRUEL: Até julho, mais de 150 mulheres já foram assassinadas no Ceará.

Mês de julho cruel para as mulheres do Ceará.

Nada menos, que 33 mulheres foram assassinadas no Ceará em julho, mês que apresentou o maior número de feminicídios no estado, sendo 10 casos em Fortaleza, 12 na região Metropolitana e mais 11 casos no Interior do estado.  No acumulado do ano, já são 159 vítimas de assassinatos.

No acumulado do ano, já são 2.778 homicídios no Ceará. No mesmo período de 2016, foram 1.998, aumento de 39 por cento.

Em Sobral tivemos até julho de 2017 apenas dois crimes: 

01. Katiana de Melo Pereira, 29 anos -(BALA) –  Morreu na Santa Casa, dia 06/04/2017, após ser baleada com 8 tiros no dia 5 de abril dentro da sua casa, no “suvaco da Cobra” no bairro Sinhá Saboia. (a primeira mulher morta em Sobral em 2017).

02. Catiana Araújo – 19 anos – residente no bairro Sinhá Sabóia/Sobral. A vítima foi encontrada morta dentro de sua casa com sinais de enforcamento e estupro, no dia 26/04/2017. O principal suspeito seria seu ex-cunhado com um amigo. Os mesmos estão presos na Cadeia Pública de Sobral.

Com informações do Blog Fernando Ribeiro.

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalha atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, com o Programa FORRONEJO e em 2018 estreamos com o Programa A HORA DA NOTÍCIA, a partir das 12 hs. Participo ainda do Programa Alô Alô Zona Norte na Rádio Tupinambá de Sobral, com o quadro "moendo a notícia", onde faço comentários sobre os principais fatos da nossa política.

Deixe um comentário