jan
4
2017

CEARÁ – VIOLÊNCIA: Cidade de Varjota registrou o primeiro homicídio feminino em 2017.

A Polícia registrou nesta terça-feira (3) o primeiro caso de feminicídio do ano no Ceará. O crime aconteceu na cidade de Varjota, onde uma pequena comerciante foi morta pelo namorado.

aboa-aacleide

O corpo da mulher, identificada por Ana Cleide Albuquerque, 42 anos, foi encontrado no começo da tarde desta terça(3) por uma de suas filhas. Estava num dos quartos da residência localizada no Centro de Varjota. O principal suspeito já foi identificado pela Polícia. Trata-se de Leone Moraes Rodrigues, que é usuário de drogas e mantinha um relacionamento com a mulher já alguns meses.

Conforme apurou a Polícia, no momento em que a filha de Cleide chegava em casa, o assassino ia saindo e disse que a comerciante estava passando mal. A filha entrou no quarto e encontrou a mãe morta com vários golpes de faca. O assassino ainda roubou o dinheiro que havia no caixa da pequena mercearia que Cleide matinha como fonte de renda para sustentar a família.

O assassino segue foragido e a Polícia faz diligências na região na tentativa de encontrá-lo. O corpo da comerciante foi encaminhado ao Núcleo da Perícia Forense (Pefoce) da cidade de Sobral, onde deverá ser necropsiado na manhã desta quarta (4).

Balanço

No ano de 2016, 212 mulheres foram assassinadas no Ceará. Somente no mês de dezembro foram registrados 21 feminicídios. A maioria dos crimes teve motivos passionais ou em decorrência do envolvimento das vítimas com o tráfico de drogas.

Fonte: Fernando Ribeiro/Ceará News7

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalha atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, com o Programa FORRONEJO e em 2018 estreamos com o Programa A HORA DA NOTÍCIA, a partir das 12 hs. Participo ainda do Programa Alô Alô Zona Norte na Rádio Tupinambá de Sobral, com o quadro "moendo a notícia", onde faço comentários sobre os principais fatos da nossa política.

Deixe um comentário