out
14
2021

BRASIL – Paulo Guedes diz que auxílio emergencial não deve ser prorrogado

Brasília, DF, 14ª Reunião do Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (CPPI), no Ministério da Economia, bloco K
NA FOTO: Ministro da Economia, Paulo Guedes FOTO: EDU ANDRADE/Ascom/ME

O ministro da Economia, Paulo Guedes, revelou nesta terça-feira, 12, que o auxílio emergencial não deve ser estendido pelo governo federal. Isso, caso não surja uma nova onda de Covid.

A última parcela do benefício vai ser paga em 31 de outubro.

A afirmação foi feita em Washington. Segundo Guedes, o avanço da vacinação reflete na volta ao trabalho.

“Se tivermos um aumento na doença, faremos o mesmo que antes: nós aumentaremos os gastos com proteção para os mais vulneráveis. Mas não é isso o que está acontecendo, com vacinação em massa e volta segura ao trabalho.”

(Via O Intrigante)

# OPINIÃO SOBRAL AGORA….

Esse desgoverno Bolsonaro, com esse Ministro sem futuro,  aumentou o IOF, dificultando ainda mais a vida do povo brasileiro, alegando que o recursos seria usado para pagar o aumento do Bolsa Família e auxilio emergencial. Agora vem com essa conversa…

 

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, sob o Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalho atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, onde apresento o Programa HORA DA NOTÍCIA - no horário de 11hs ás 13 horas. Nas tardes da Paraíso FM levo alegria de descontração no Programa FORRONEJO de 15hs ás 17 horas. Se ligue com a gente e venha curtir o melhor da informação e do entretenimento musical.

Deixe um comentário