jan
8
2021

CEARÁ – Grupo suspeito de controlar comércio de drogas é capturado com R$ 40 mil em Itapipoca, no Ceará.

Cinco pessoas suspeitas de controlar o comércio de entorpecentes foram capturadas nesta quinta-feira (7) em posse de drogas, munições, cartões magnéticos, três veículos e mais de R$ 40 mil em espécie, na cidade de Itapipoca, no oeste do Ceará. Entre os presos, está um homem apontado como chefe do tráfico na região.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública, após investigações sobre o funcionamento do comércio de drogas na localidade de Severino, zona rural do município, agentes das polícias Civil e Militar conseguiram identificar e capturar os suspeitos. Além de prender o homem responsável por chefiar a venda das drogas na área, os policiais prenderam pai e filho, que exerciam a função de gerentes do tráfico, sendo o último responsável pelo financeiro do grupo criminoso. Um jovem de 21 anos e um adolescente de 15 anos também foram detidos.

Entre os materiais apreendidos estava também uma grande quantidade de cocaína, balanças de precisão, cadernos com anotações sobre o tráfico de drogas, material para embalar a droga, aparelhos celulares, cadernetas de jogos de contravenção penal, dois carros e uma motocicleta.

Todos foram conduzidos para a sede da Delegacia Regional de Itapipoca, onde os adultos foram autuados pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico de drogas, além de posse ilegal de munição e corrupção de menores e o adolescente foi autuado em um ato infracional semelhante ao crime de tráfico de drogas.

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalha atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, com o Programa FORRONEJO e em 2018 estreamos com o Programa A HORA DA NOTÍCIA, a partir das 12 hs. Participo ainda do Programa Alô Alô Zona Norte na Rádio Tupinambá de Sobral, com o quadro "moendo a notícia", onde faço comentários sobre os principais fatos da nossa política.

Deixe um comentário