set
15
2020

CEARÁ – MPCE pede explicações à Secretaria da Saúde sobre divergência em divulgação de dados da Covid-19

Ofício do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) enviado nesta segunda-feira, 14, à Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) solicita esclarecimentos sobre a divergência na divulgação de dados sobre mortes por Covid-19 no Ceará ocorrida na semana passada. Balanço apresentado por um consórcio nacional de veículos de imprensa no último dia 9 apontava o Ceará como único estado do Brasil a ter alta na média móvel de mortes pela doença, situação que foi negada pelo titular da Sesa, Dr. Cabeto.

Novo levantamento do consórcio divulgado nesta segunda-feira, 14, indicou novamente a subida de mortes no Ceará, além do Acre, nos últimos sete dias. Devido a estes fatos, por meio da 137ª Promotoria de Justiça de Fortaleza, o MPCE concedeu um prazo de cinco dias úteis para que o secretário da Saúde se posicione e “apresente esclarecimentos quanto às notícias veiculadas, comprovando ou contestando a alta no número de mortes”.

Na última quinta-feira, 10, no dia seguinte após a alta da média de óbitos por Covid-19 no Ceará ser divulgada pelo consórcio, o titular da Sesa, Dr. Cabeto, negou que o Ceará estivesse em crescimento de óbitos pela doença e afirmou que a metodologia utilizada na divulgação acabou inferindo uma interpretação equivocada.

Fonte: O POVO

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalha atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, com o Programa FORRONEJO e em 2018 estreamos com o Programa A HORA DA NOTÍCIA, a partir das 12 hs. Participo ainda do Programa Alô Alô Zona Norte na Rádio Tupinambá de Sobral, com o quadro "moendo a notícia", onde faço comentários sobre os principais fatos da nossa política.

Deixe um comentário