abr
15
2020

CEARÁ – ALERTA: Ceará tem mais 10 mortes e chega a 111 por coronavírus.

Ceará possui 2.070 casos confirmados e 111 mortes por Covid-19, de acordo com a mais recente atualização do boletim da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), feita às 18 horas desta terça-feira, 14 de abril. Até às 14h30min de hoje, haviam sido confirmados 107 óbitos no Estado. A taxa de letalidade está em 5,36%. Agora, são 2.070 casos confirmados da doença no Ceará. Há 60 municípios com casos confirmados. São 135 casos confirmados a mais nesta terça e mais 10 mortes em relação á véspera no Estado.

Até segunda-feira, 13 de abril, o Ceará estava com 1.935 casos confirmados do novo coronavírus, a Covid-19. Eram 101 mortes.

O número de casos confirmados do novo coronavírus no Ceará somava até domingo 1.747, segundo a Secretaria da Saúde do Estado (Sesa). Havia 85 óbitos.

No Brasil, o número de casos confirmados da Covid-19, causada pelo novo coronavírus, chegou a 25.262, segundo dados divulgados pelo Ministério da Saúde nesta terça-feira, 14 de abril (14/04). São 1.532 mortes.

Fortaleza continua concentrando a maior quantidade de casos confirmados, com 1.794 até o momento. Caucaia possui 39 confirmações, Maracanaú tem 35, Aquiraz aparece com 30 e Sobral tem 17.

Há 31 casos confirmados ainda sem informação sobre a localização dos pacientes por município.

O número de casos suspeitos chegou a 11.541. Foram realizados, até o momento, 12.835 exames no Estado.

Números do Ceará

11.541 casos suspeitos
12.835 exames feitos
2.070 casos confirmados
111 óbitos
5,36 é a letalidade da doença
60 municípios com casos confirmados

Fonte: Sobral Agora. 

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalha atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, com o Programa FORRONEJO e em 2018 estreamos com o Programa A HORA DA NOTÍCIA, a partir das 12 hs. Participo ainda do Programa Alô Alô Zona Norte na Rádio Tupinambá de Sobral, com o quadro "moendo a notícia", onde faço comentários sobre os principais fatos da nossa política.

Deixe um comentário