abr
13
2020

BRASIL – Morre Moraes Moreira, grande nome da música brasileira, aos 72 anos.

O cantor e compositor Moraes Moreira morreu na manhã desta segunda-feira (13), no Rio de Janeiro, aos 72 anos. Ele sofreu um infarto agudo no miocárdio enquanto dormia. De acordo com Eduardo Moraes, irmão do cantor, o corpo foi encontrado após a chegada da empregada doméstica no apartamento em que ele morava no bairro da Gávea, Zona Sul da capital fluminense. O artista vivia sozinho, segundo o irmão.

Em 2017, acometido por uma úlcera gástrica, o artista foi internado no Rio de Janeiro. Ele foi atendido no Hospital Copa Star, da rede D’Or, em Copacabana. Na época, o problema de saúde acarretou o adiamento de duas apresentações dos Novos Baianos, uma delas marcada no Classic Hall, em Pernambuco. O último show do grupo no estado foi em 8 de fevereiro de 2020, na prévia carnavalesca Enquanto Isso na Sala da Justiça, realizada no Classic Hall, em Olinda.

Moraes vinha realizando composições inspiradas no período de isolamento social ocasionado pela pandemia coronavírus. Duas letras foram publicadas na página oficial do artista no Facebook: Quarentena (18 de março) e Sombra (28 de março).

Moraes Moreira começou a carreira musical tocando sanfona de doze baixos em festas de São João e outros eventos de Ituaçu, na Bahia. Na adolescência aprendeu a tocar violão, enquanto fazia curso de ciências em Caculé, no mesmo estado. Mudou-se para Salvador e lá conheceu Tom Zé, e também entrou em contato com o rock. Mais tarde, ao conhecer Baby Consuelo, Pepeu Gomes, Paulinho Boca de Cantor e Luiz Galvão, formou o conjunto Novos Baianos, onde ficou de 1969 até 1975.
Juntamente com Luiz Galvão, foi compositor de quase todas as canções do grupo. O álbum Acabou Chorare, lançado pela banda em 1972, foi considerado pela revista Roling Stone Brasil um dos 100 melhores álbuns da história da música brasileira. Moraes Moreira possui 40 discos gravados, entre os projetos Novos Baianos, Trio Elétrico Dodô e Osmar e ainda dois discos em parceria com o guitarrista Pepeu Gomes. Moraes se enquadra entre um dos mais versáteis compositores do Brasil, misturando ritmos como frevo, baião, rock, samba, choro e até mesmo música erudita.
Saiu em carreira solo no ano de 1975, lançando mais de 20 discos. Sozinho, destacou-se como o primeiro cantor de trio elétrico, cantando no Trio de Dodô e Osmar, e lançou diversos sucessos de músicas de carnaval, no que se convencionou chamar de “frevo trieletrizado”. Alguns dos sucessos dessa fase são Pombo Correio, Vassourinha Elétrica e Bloco do Prazer, dentre outras.
Fonte: Diário de Pernambuco.

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalha atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, com o Programa FORRONEJO e em 2018 estreamos com o Programa A HORA DA NOTÍCIA, a partir das 12 hs. Participo ainda do Programa Alô Alô Zona Norte na Rádio Tupinambá de Sobral, com o quadro "moendo a notícia", onde faço comentários sobre os principais fatos da nossa política.

Deixe um comentário