mar
20
2018

BRASIL – CBF define confrontos da próxima fase da Copa do Brasil. Ferrão enfrenta o Atlético-MG.

Foram definidos os confrontos da próxima fase da Copa do Brasil, nesta segunda-feira(19), na sede da CBF, no Rio de Janeiro. A quarta fase é composta por cinco duelos, os vencedores irão se classificar para as oitavas de final e se juntar a América-MG (campeão da Série B), Bahia (campeão da Copa do Nordeste), Luverdense (campeão da Copa Verde) e as equipes brasileiras que disputam a Libertadores.
Confira abaixo os confrontos:

• Atlético-PR x São Paulo 

Um dos principais confrontos dessa próxima fase, Atlético-PR e São Paulo reeditam a final da Libertadores de 2005. Na ocasião, vitória do São Paulo e a conquista do terceiro título do clube paulista da competição. O Atlético-PR joga o primeiro jogo em casa.O clube paulista vive uma fase conturbada e ainda mantém a irregularidade vista em 2017. Em boa fase, Valdívia é um dos destaques da equipe, na Copa do Brasil já são dois gols em três jogos. Pelo lado paranaense, o Atlético vive uma fase melhor, sendo líder do grupo B do Campeonato Parananese. O meia Guilherme é o artilheiro da equipe na Copa do Brasil com dois gols.O retrospecto entre as equipes é equilibradíssimo. São 55 jogos no total, com 18 vitórias para o São Paulo, 18 vitórias para o Atlético Paranaense e 19 empates. Pela Copa do Brasil, as equipes nunca se enfrentaram.

• Internacional x Vitória

Internacional e Vitória fazem outro duelo de Série A na quarta fase da Copa do Brasil. O Colorado, que faz o primeiro jogo em casa, vive momento irregular. Apesar de um bom Campeonato Gaúcho, a equipe vem de um retrospecto ruim contra o Grêmio, seu principal rival. Nas quartas de final do Gauchão, derrota de 3 a 0 e na fase de classificação, derrota por 2 a 1. O volante Edenílson é o artilheiro da equipe, com 2 gols. Além dele, William Pottker, D’Alessandro e Rodrigo Dourado também são destaques.O Vitória vive boa fase no ano. Líder do Campeonato Baiano, com 22 pontos, com uma das melhores defesas e ataque da competição. Neilton, um dos artilheiros do estadual, é um dos destaques da equipe, junto com Denilson. Na Copa do Brasil não é diferente, Neilton, com dois três gols, é o artilheiro da equipe. Seguido por Denilson, com dois gols. O Inter nunca venceu o Vitória na Copa do Brasil. Foram dois jogos, um empate e uma derrota. Na história, são 35 jogos e o equilíbrio absoluto. São 12 vitórias para cada lado e 11 empates.

 • Atlético Mineiro x Ferroviário-CE

Atlético Mineiro enfrenta o Ferroviário-CE, a grande surpresa da Copa do Brasil deste ano e faz o primeiro jogo em casa. É um jogo perigoso para o Galo, que tem se destacado pela defesa e pelo estilo ofensivo baseado no contra-ataque. Após início de temporada irregular, o Galo se classificou em terceiro no Mineiro e, ao vencer o URT, se classificou para a semifinal. Na Copa do Brasil, passou com dificuldade na maioria dos jogos, principalmente na fase anterior, contra o Figueirense. Otero é o principal jogador do clube no ano, sendo o líder de assistências da equipe, minando um ataque veloz composto por Érik, Roger Guedes e Cazares, além de Ricardo Oliveira.O Ferroviário surpreendeu a todos ao conseguir se classificar para a quarta fase. Na primeira fase, venceu o Confiança por 2 a 1. A zebra veio na segunda fase, quando eliminou o Sport nos pênaltis, em um dos jogos mais marcantes da competição. O Ferroviário perdia de 3 a 0 e conseguiu fazer três gols nos minutos finais. Na terceira fase, eliminou o Vila Nova. O volante Mazinho e o meia Janeudo são um dos destaques da equipe.As equipes se enfrentaram apenas uma vez na história. No Campeonato Brasileiro de 1981, um empate de 1 a 1.

• Ponte Preta x Náutico

Sem conseguir se classificar para as quartas de final do Campeonato Paulista, a Ponte joga o primeiro jogo em casa contra o Náutico. O time pernambucano vive bom momento e se classificou em primeiro no Campeonato Pernambucano, com 19 pontos e melhor ataque da competição. O meia Wallace Pernambucano é um dos principais destaques da equipe.A Ponte Preta enfrentou times de menor expressão, mas não teve vida fácil na Copa do Brasil. Iniciou empatando por 0 a 0 contra o Nacional-AM. Depois, venceu por 1 a 0, em casa, o Inter de Limeira. Na terceira fase, garantiu a classificação nos pênaltis, contra o Sampaio Correia. Foram três jogos e apenas um gol marcado. O atacante Felippe Cardoso é um dos destaques da equipe.O retrospecto entre as equipes também é equilibrado. Foram 19 jogos na história, com seis vitórias para cada lado e sete empates, em 19 jogos.

• Avaí x Goiás

​O Avaí eliminou o Fluminense e vem com confiança para enfrentar o Goiás. Terceiro colocado no Campeonato Paranaense, o Avaí fez ótima campanha na Copa do Brasil e vai fazer o primeiro jogo em casa. O Leão venceu todos os jogos e se classificou com propriedade contra o Fluminense, vencendo os dois jogos: o primeiro por 2 a 1, fora de casa e o segundo, por 1 a 0, em casa. O atacante Getúlio e o meia Luanzinho são um dos destaques.O Goiás também fez boa campanha na Copa do Brasil. Líder do grupo A do Campeonato Goiano, com 24 pontos, o Esmeraldino venceu o Sinop na primeira fase e passou nos pênaltis contra o Boa Esporte, na segunda fase. A melhor partida do clube goiano foi contra o Coritiba. Vitória por 1 a 0 em casa e empate no segundo jogo, sacramentando a classificação. O atacante Carlos Eduardo, de 21 anos, é um dos destaques da equipe. Na história, são 13 jogos, com vantagem do Avaí. Sem nunca se enfrentarem na Copa do Brasil, são sete vitórias do Avaí contra cinco vitórias do Goiás e um empate.

Fonte: Yahoo/Notícia.

 

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalha atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, com o Programa FORRONEJO e em 2018 estreamos com o Programa A HORA DA NOTÍCIA, a partir das 12 hs. Participo ainda do Programa Alô Alô Zona Norte na Rádio Tupinambá de Sobral, com o quadro "moendo a notícia", onde faço comentários sobre os principais fatos da nossa política.

Deixe um comentário