maio
24
2012

Séries C e D são suspensas pelo presidente do STJD, Guarany não joga no final de semana.

O presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Rubens Aprobatto,  determinou nesta quarta-feira (23) a suspensão das Séries C e D do Campeonato Brasileiro. As competições, que teriam início no próximo sábado (26), não podem ocorrer até que sejam julgadas as ações de times que brigam por vagas.

Santo André/SP, Treze/PB, Rio Branco/AC, Brasil de Pelotas/RS e Araguaína/TO disputam as últimas vagas para a disputa da Série C. Com medidas judiciais destes time ainda sem solução, se tornou inviável o começo das competições na data programada.

O clube paulista briga para recuperar a vaga na Terceira Divisão, que perdeu quando a CBF acatou liminar da Justiça Comum gaúcha e concedeu vaga ao Brasil de Pelotas. O pedido de suspensão partiu da equipe do Santo André e foi acatada pelo Tribunal. Na Paraíba, a 1ª Vara Cível de Campina Grande ordena por meio de liminar que o Rio Branco-AC ceda sua vaga ao Treze.

Segundo o presidente do STJD, o prosseguimento das competições, mesmo com as ações dos clubes em andamento, poderia causar complicações para o Campeoanto Brasileiro e clubes envolvidos, além de ferir normas da Fifa.

Em seu despacho, Rubens Aprobatto afirma que é “óbvio que a soberania de cada País pode editar normas a respeito de matéria desportiva”. Porém, “sendo essas normas contrárias às da Fifa, a entidade internacional pode, sem ferir a soberania do País, desfiliar o atleta, o clube ou a entidade a ela filiados”.

O imbróglio judicial envolvendo os times que lutam pelas vagas na Terceirona pode resultar em punições e também no desfiliamento da CBF junto à Fifa, que será informada da decisão pelo STJD.

Fortaleza se manifesta

O diretor de futebol do Fortaleza, Jorge Mota considera que indefinições só prejudicam os clubes e entidades envolvidos na realização do Campeonato Brasileiro. Ele também lembrou que decisão interrompe o planejamento tricolor, que já começaria a vender os ingressos para o jogo de estreia nesta quinta-feira (24).

 “Isso está chegando a um ponto que prejudica muita gente. Acredito que a CBF vá ao STJ (justiça comum) para que o órgão uniformize as decisões judiciais dos estados. Essa suspensão é ruim pra todo mundo, porque causa uma indefinição muito grande. Nós já estávamos com os ingressos prontos para começar a vender amanhã (quinta)”, afirma Jorge Mota.

“Se o adiamento for de, no máximo, duas semanas, pode até ser bom. Teremos tempo para uma melhor preparação além da recuperação de alguns atletas”, avalia.

(O povo online)

GUARANY DE SOBRAL

A torcida do Cacique do Vale que vive a expectativa da estréia do Bugre, vai esperar um pouquinho mais.

Fonte: Sobral Agora.

About the Author: Bené Fernandes

Radialista com mais de 25 anos de militância em Sobral(CE), e agora Jornalista Profissional, Registro- 01657 MTb - datado de 23/12/2004. Trabalha atualmente na Rádio Paraíso FM-101,1 Mhz, com o Programa FORRONEJO e em 2018 estreamos com o Programa A HORA DA NOTÍCIA, a partir das 12 hs. Participo ainda do Programa Alô Alô Zona Norte na Rádio Tupinambá de Sobral, com o quadro "moendo a notícia", onde faço comentários sobre os principais fatos da nossa política.

Deixe um comentário